Trabalhamos muito para alterações e vamos dar prosseguimento ao fim do soldado mendigo, um dos absurdos criados pelo governo corrupto de Marconi Perillo. Sempre fui contra essa aberração e acompanhei de perto o sofrimento de policiais militares, bombeiros militares, policiais civis e agentes penitenciários, que foram expostos ao ridículo e a situações extremamente graves, como passar fome nos quartéis. Sem dinheiro eram obrigados a almoçarem pipoca. A justiça prevaleceu e vamos lutar para uma aprovação rápida, para diminuir os danos sofridos por estes jovens guerreiros.


Projeto de lei do Governador Ronaldo Caiado, que extingue o soldado de terceira classe da PMGO e Corpo de Bombeiros Militar, resolve o problema salarial, mas ainda precisa ser melhorado no que tange ao interstício para promoção.

Vou propor a emenda necessária e estou confiante no apoio do Governador, do Secretário de Segurança Pública e dos outros deputados goianos.